Portal Vital

911 Matérias - 433 Likes - 2718 Comentários RSS

Segundos dados do Sebrae, as mulheres são maioria entre os novos empreendedores, comandando cerca de 52% das novas empresas que estão surgindo. Mas engana-se quem pensa que foi fácil chegar até aí. Muitas delas tiveram que buscar não só o conhecimento profissional, mas também o pessoal para chegar onde estão hoje. 

 

Esse é o chamado empreendedorismo pessoal, que é fazer planos e projetos pessoais relacionados ao objetivo profissional que se deseja alcançar. “É investir em você para que, no futuro, esse conhecimento faça a diferença no seu novo negócio”, diz Jorge Duaceno, administrador e especialista em empreendedorismo.

 

Esse investimento pode ser um curso, uma viagem para o exterior, uma atividade que traga autoconhecimento, o aprendizado de uma nova língua, o início de um novo projeto ou até a leitura de um livro inusitado ou a mudança do visual.

 

E foi essa a preocupação de Joana Lemos Batter, 39 anos, quando decidiu abrir seu salão de beleza. “Antes de buscar capacitação mais específica e entendimento de administração e gestão, fui atrás de cursos sobre liderança, comportamento da mulher no mercado de trabalho e até mudei meu visual, pois achei que, me sentindo mais bonita, minha autoestima ia melhorar, refletindo na pessoa que eu seria dentro do meu salão”, diz.

 

Esse tipo de preocupação tem feito a diferença no modo como as mulheres têm levado seus negócios, principalmente quanto à confiança em si mesma. “A mulher de hoje é mais multifuncional e ela não tem medo de enfrentar os desafios de um novo empreendimento. Ela é capaz de varrer o chão, passar um café e depois ir ao banheiro colocar um perfume para atender um cliente com simpatia”, diz Ana Carolina de Oliveira, gerente do Sebrae de São Paulo.

 

Coaching

 

Se a pessoa conseguir agregar os conhecimentos adquiridos com esse investimento pessoal ao coaching (processo de desenvolvimento pessoal e profissional com o auxílio de um orientador), ela vai ter nas mãos todas as ferramentas teóricas necessárias para ser uma empreendedora de sucesso.

 

“Claro que esses conhecimentos não garantem o sucesso de ninguém, mas já é um grande passo para tal. O coaching destaca de forma positiva e clara (e com certa rapidez) os pontos individuais de cada pessoa, seus desejos e potenciais para que possa atingir o seu melhor e alcançar suas metas de forma objetiva”, diz Jorge.

 

Escola de Você

 

Outra boa dica para as mulheres que querem ser ou já são empreendedoras – mas precisam conhecer um pouco mais sobre si e sobre o mundo dos negócios – é o projeto Escola de Você, uma plataforma on-line que traduz o verdadeiro sentido da expressão “Girl Power” (poder das garotas).

 

Essa escola, dedicada ao crescimento pessoal, oferece às mulheres uma oportunidade para que elas descubram seus potenciais. “Entre as aulas mais procuradas estão empreendedorismo e liderança e autoconfiança, pois acredito que são temas que atuam diretamente na liberdade de escolha de seus destinos”, diz Ana Fontes, fundadora da Rede Mulher Empreendedora e especialista em empreendedorismo da Escola de Você.

 

Os vídeos do site, com situações do dia a dia, dão dicas sobre a atitude certa para cada situação do trabalho, como falar, agir e se vestir para crescer na carreira, o que os gestos das pessoas revelam, entre outros temas. Tudo de graça e em cinco minutos de aula por dia. “Empreendedorismo se aprende empreendendo, porém se você tiver um bom acesso à teoria e ao conhecimento pessoal certamente suas chances de sucesso serão melhores”, diz Ana Fontes. Se você estiver interessada, aproveite, pois tem uma nova turma começando em junho, em parceria com Brilhante. Para se inscrever, clique aqui.

3 comentários nessa matéria

  • NEIDE OLIVEIRA

    NEIDE OLIVEIRA

    Conhecer-se é necessário para fundamentar o serviço ofertado. Ótima matéria.

    Responder - 11 de abril às 16:20
  • CRISTIANE PEREIRA DOS SANTOS

    CRISTIANE PEREIRA DOS SANTOS

    Ótima matéria mas o cenário econômico atual desanima qualquer empreitada.

    Responder - 20 de agosto às 18:04
  • ANA PAULA RAMOS ROTA

    ANA PAULA RAMOS ROTA

    Amei!! Já me inscrevi!! :)

    Responder - 02 de junho às 03:51