Portal Vital

19 Matérias - 0 Likes - 30 Comentários RSS

Dove acredita que nenhuma menina deveria ser impedida de desenvolver todo o seu potencial. Entretanto, a preocupação com a aparência impede as meninas de dar o melhor de si e prejudica a saúde, as amizades e até o desempenho escolar. Uma a cada três meninas na faixa dos 6 aos 8 anos sentem pouca autoconfiança corporal e, 7 em cada 10 mulheres e seis em cada dez garotas acreditam que a vida é mais fácil para mulheres bonitas.

 

A baixa autoconfiança corporal é um problema mundial e dados como os citados acima mostram o qual alarmante é o tema. É por isso que a Dove teve como missão ajudar as meninas a terem mais autoconfiança corporal. Em 2004,  esse compromisso foi transformado no Projeto Dove Autoestima.

 

Como parte de uma pesquisa global a Edelman Intelligence entrevistou cerca de 4 mil mulheres, dos 18 aos 64 anos, e 2.800 jovens, dos 10 aos 17 anos, de sete países: Índia, EUA, Reino Unido, Brasil, China, Japão e Turquia. Estes países foram selecionados para representar adequadamente a diversidade de mulheres e jovens em termos de cultura, crenças, pressão social e desenvolvimento econômico, assim como uma representação justa da diversidade de culturas e tradição sobre a beleza. A amostra foi representativa, nacionalmente, da população de mulheres e jovens em cada país, em termos de idade, região e nível social.

 

Muitos fatores sugerem que o primeiro passo para a mudança e trazer essa oportunidade de consolidar novas formas de representação feminina na mídia. Abrindo um caminho para que possamos pensar em modelos alternativos aos 'tradicionais' que ainda existem. Partindo da premissa que a publicidade se utiliza dos meios de comunicação como dispositivo para disseminar sua mensagem. Mas isso é só o começo. Para que o Brasil veja a mudança real, as mulheres precisam ver que há beleza em todas as brasileiras, das magras às curvilíneas, das jovens às idosas, e tudo o que está entre os extremos. As mulheres são responsáveis, em parte, por impulsionar esta mudança, mas a responsabilidade também é da sociedade, que deve ser não apenas receptiva à mudança, mas também um veículo para demonstrar esta diversidade na beleza.

 

Nenhuma outra organização está atuando nessa questão tão importante na escala ou capacidade de impactos. Quer saber mais? Entre no site http://selfesteem.dove.com.br/ e saiba tudo sobre o projeto.

 

1 comentário nessa matéria

  • ANA PAULA RAMOS ROTA

    ANA PAULA RAMOS ROTA

    PERFEITO.

    Responder - 17 de outubro às 18:22