Portal Vital

475 Matérias - 346 Likes - 1941 Comentários RSS

Analise as seguintes situações: você tem uma entrevista de emprego e, na hora de conversar com o avaliador, começa a transpirar demais. Ou hoje é a prova daquela matéria que você não é muito bom, e, na hora de escrever, percebe que está suando muito. A maioria das pessoas pensa que, por causa dessa transpiração excessiva, tem algum problema. Mas isso é mais normal do que se pensa.

 

A Unilever realizou uma pesquisa com cerca de 1.500 mulheres de 18 a 35 anos em Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e México. O resultado mostrou que uma em cada quatro acredita que transpira mais do que o normal. Essa preocupação acaba afetando o dia a dia e diminui a autoconfiança.

 

Geralmente, esse suor se concentra em mãos e pés, mas as axilas também podem ser afetadas, explica a dermatologista clínica e cirúrgica Ana Cristina Fasanella, que atua em Moema, zona sul de São Paulo (SP). "Isso acaba causando um desconforto social, já que as roupas que as pessoas usam ficam marcadas”, explica. Debaixo do braço, essas nódoas de transpiração já ganharam até o apelido de "pizza".

 

A pessoa que sente que sua demais parte de uma comparação com amigos e parentes, destaca a especialista. "No ambiente familiar, ela percebe que é a única que transpira muito, por exemplo", acrescenta Ana Cristina. Com isso, pode adotar uma postura de evitar contato social, não cumprimentar as pessoas ou mesmo deixar de abraçar os outros devido ao constrangimento por que passa.

 

Incômodo com a transpiração

 

Não é regra, mas as primeiras manifestações desse problema, em geral, surgem na adolescência. Foi assim com a enfermeira Lilian Lopes Passarelli de Santos, de 23 anos. "Ficava constrangida ao levantar os braços", conta. Ela percebeu que transpirava em excesso quando tinha 16 anos. "Meus primos ficavam brincando sobre as 'pizzas', e isso me incomodava. Até no inverno eu suava", afirma.

 

O constrangimento era maior devido à profissão escolhida por Lilian. "Precisava me debruçar sobre os pacientes para tratá-los. O bom é que usava roupa branca, que ajuda a disfarçar o problema", acrescenta. Esse é um dos truques de quem sente que transpira em excesso: usar peças brancas ou pretas, afirma a dermatologista Ana Cristina. "Aparece menos", ressalta.

 

Alguns utilizam outros recursos para disfarçar o problema, explica o professor Jose Ribas Milanez de Campos, que trabalha no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. "Nas mãos usam toalhinhas ou as esfregam constantemente nas roupas para secar. Nas axilas, usam papel toalha, guardanapos e até absorventes sob as roupas", comenta.

 

Causas e tratamento para suor excessivo

 

O grande vilão das pessoas que suam demais em momentos de estresse é o sistema nervoso central, responsável pelo controle de algumas funções corporais. "A situação tensa faz disparar os mediadores neurológicos adrenalina e noradrenalina, que elevam a função da glândula sudorípara, responsável pela produção de suor", explica Maria Paula Del Nero, integrante da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

 

Com isso, o corpo libera mais suor. Esse é o mecanismo que atua quando você tem uma entrevista de emprego ou uma prova importante e está muito nervoso. Um dos principais tratamentos usa toxina botulínica, que reduz a função da glândula sudorípara. "Mas ela deve ser reaplicada a cada seis meses, porque a glândula retoma a atividade normal depois desse período", afirma Maria Paula.

 

Há ainda a opção de recorrer à iontoforese, técnica que utiliza correntes elétricas para aplicar agentes terapêuticos sob a pele – no caso, o cloridrato de alumínio, que reduz o suor. "As sessões são feitas diariamente no consultório até reduzir o problema", explica a especialista. Existem também aparelhos que permitem que o procedimento seja feito em casa.

 

Para quem sente que transpira demais, a Unilever lançou Rexona Clinical, que protege até três vezes mais que um antitranspirante comum. Ele possui a exclusiva tecnologia TrisolidTM, que contém substâncias testadas para prevenir a transpiração em quem precisa de mais proteção para as axilas.

 

Rexona Clinical é elaborado com uma fragrância que evita o mau cheiro. Sua composição tem dimeticona, uma substância hidratante. Se você sofre com a transpiração excessiva, experimente e livre-se dessa sensação incômoda!

 

 

 

Quer saber mais sobre como prevenir constrangimentos do dia a dia? Então, leia estes textos que separamos para você:

 

Evite constrangimentos no dia a dia

 

Evite constrangimentos no dia a dia

Kit contra apuros

1 comentário nessa matéria

  • MARTIN ROMEU WAGNER

    MARTIN ROMEU WAGNER

    Otimo produto funciona 100% , MAS tem uma fala na questão do desperdício que fica no pote do produto. fica uma boa quantidade dentro. Eu abri uma o tive uma surpresa tinha ficado 20% de produto que seria jagado para fora do mecanizo que empurra ele para ser aplicado. A empresa deveria achar uma maneira para isso não acontecer. Ja que o produto é caro. É um pena ter um aplicador ruim para um Produto Otimo.

    Responder - 26 de dezembro às 11:40